Perdida - Carina Rissi

Livro: Perdida - Um amor que ultrapassa as barreiras do tempo - Perdida # 1Autora: Carina Rissi
ISBN-13: 9788576862444



Sinopse: Sofia vive em uma metrópole e está acostumada com a modernidade e as facilidades que ela traz. Ela é independente e tem pavor à mera menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são aqueles que os livros proporcionam. Após comprar um celular novo, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século dezenove, sem ter ideia de como voltar para casa ou se isso sequer é possível. Enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de retornar ao tempo presente, ela é acolhida pela família Clarke. Com a ajuda do prestativo e lindo Ian Clarke, Sofia embarca numa busca frenética e acaba encontrando pistas que talvez possam ajudá-la a resolver esse mistério e voltar para sua tão amada vida moderna. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos... 

Sofia Alonzo é uma mulher do século XXI. Independente e trabalhadora, ela não espera, corre atrás daquilo que almeja. 

Após a morte dos pais, ela teve que tomar as rédeas da própria vida. Dedica-se com todas as forças ao trabalho, esperando a tão sonhada promoção. 

São tantas tarefas que Sofia acaba deixando de lado o amor. Para ele, casamentos e amores eternos são falsos e não duram para sempre.

Esse pensamento acaba mudando após viajar no tempo e encontrar o Senhor Ian Clarke, um rapaz de 21 anos que vive em 1830.

Confusa sobre como foi parar lá e tentando descobrir como fará para voltar aos dias atuais, Sofia se vê apaixonada por Ian. Entretanto, reluta em aceitar tal sentimento. Para ela, que nunca acreditou no amor verdadeiro e com esperanças de voltar para sua vida, a melhor opção é não se entregar a tal paixão.

Seu jeito "diferente" de se comportar, falar e viver, acaba colocando Sofia em algumas saias justas, mas sempre tem Ian ou Elisa, irmã do Senhor Clarke, para ajudá-la a contornar a situação.

Tentar se ajustar aos costumes de dois séculos atrás ao mesmo tempo em que precisa descobrir como voltar para casa e não magoar Ian, acaba deixando Sofia realmente perdida e com o coração na mão. 

Teria ela coragem de voltar e deixar o amor de sua vida a dois séculos de distância? Trocaria sua vida no século XXI pelo verdadeiro amor? 

Por que, quando ele disse que meu lugar era ali, ao menos naquele momento...parte de mim acreditou nele.
Se pudesse resumir Perdida em uma palavra, seria surpresa. 

Sempre vi na internet milhares de seguidores afoitos, fazendo apologia a história, mas depois que li a sinopse, fiquei com um pé atrás.

Eu não gosto de romances de época. Nunca consegui engatar em um, mesmo querendo com todas as minhas forças. 

Vi na Maratona Literária uma oportunidade para lê-lo. Moral da história? Ainda bem que não desisti dele!

A maior parte do cenário se passa no século XIX? Sim. Sofia me irritou horrores não fazendo nenhum esforço para se encaixar? Sim. Isso me fez gostar menos do livro? Talvez sim, talvez não. O que não posso negar é como me apaixonei por Ian Clarke e seu charme.

Não estou de brincadeira. Até eu embarcaria numa máquina do tempo para encontrar meu Ian. 

A química e a ternura que envolve esses dois é linda. Um amor puro e verdadeiro que rompe as barreiras do tempo e o coração de gelo da senhorita Alonzo (e o meu também!)

Só para não perder o costume, meus olhos chegaram a marejar no final do livro. Pobre Ian.

Ainda bem que o mundo gira e coloca tudo no lugar, não é? Só posso dizer que se é verdadeiro, nada pode separar.

Louca para ler os próximos livros (que descobri que totalizam 6!!!) e saber o que o futuro ou o passado guarda para esse casal.

Essa foi minha segunda leitura da #Maio2016ML.

Até a próxima!

Mil beijos,
Caroline.
*~




































2 comentários

  1. Achei interessante, não sei você, mas eu adoro me envolver com os personagens, e vejo que esse livro da essa oportunidade, ja vou colocar na minha lista :3

    http://sociedadedolivroblog.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Letícia! Espero que você goste do livro. Me conte depois o que achou, ok?

      Mil beijos
      *~

      Excluir